Tintas MC: uma empresa familiar que se tornou a maior rede varejista de tintas do país


A caso de sucesso de hoje traz a história da Tintas MC. Uma empresa de família, cuja trajetória iniciou em 1964. Hoje sob o comando da segunda geração, a empresa viu ao longo das décadas seus negócios crescerem e se diversificarem. Mas para chegar lá foi importante ter o foco na longevidade e deixar os erros comuns a muitas empresas familiares longe da administração da Tintas MC.
O Diretor de Estratégia e Marketing da Tintas MC, Renato Sá, faz parte da segunda geração. Ele conta quais os 4 principais pontos que permitiram a empresa continuar prosperando no mercado:

  1. Meritocracia: para ocupar um cargo de responsabilidade dentro de uma corporação é preciso ter capacidade. Por isso, as oportunidades de trabalho e de crescimento precisam existir tanto para membros da família quanto para pessoas de fora.
  2. Profissionalismo: uma pessoa de fora enxerga o negócio sem emoção e pode conseguir resolver problemas de forma diferente. Por isso, é preciso ter um balanço entre contratações da família e profissionais do mercado.
  3. Separar assuntos familiares e profissionais: “Um grande erro é levar os problemas da empresa para a família, mas o maior é levar os problemas familiares para a empresa”, explica o diretor.
  4. Estratégia do negócio maior que o ego: para quem gerencia uma empresa familiar e deseja obter sucesso e um futuro promissor, a dica de Renato é: tente separar totalmente qualquer relação na hora de tomar uma decisão.

Hoje, a Tintas MC é a maior rede varejista de tintas do Brasil. A organização possui foco no mercado de tintas imobiliárias, industriais, repintura automotiva e acessórios. Atua com as principais marcas do mercado, como Suvinil, Coral, Sherwin Williams, Tigre, Norton, Exin, Akzo Nobel e PPG. São mais de 80 lojas próprias localizadas nos estados de São Paulo, Minas Gerais e Goiás, levando cores e atendimento de qualidade para os clientes.
Saiba mais sobre estes mais de 50 anos de história nesta entrevista com Renato Sá, Diretor de Estratégia e Marketing da Tintas MC:

Olá Renato, prazer em falar com você. Vamos começar pelo começo: como e quando surgiu a Tintas MC?

Esta é a história de uma família… começou na Rua Conselheiro Justino, no bairro da Moóca, em São Paulo. Uma rua que nem existe mais, mas que viu nascer o sonho de um casal, Manuel e Cleyde: MC.
Manuel, que era um visionário, teve uma ideia: criar uma grife no mercado de varejo de tintas! Isso em uma época em que as lojas da concorrência eram semelhantes a depósitos.
Manuel, então, convidou o seu irmão Armando para a realização desse sonho. E assim, em 1964, inauguraram a primeira loja de Tintas MC.
Como o principal produto eram tintas automotivas, e como era época de Roberto Carlos, da Jovem Guarda e do calhambeque bibi, escolheram como logotipo um calhambeque.
O sucesso foi tão grande que, em um ano, a sede foi transferida para um lugar maior, na Rua Tobias Barreto, no Belém. Para dar mais força ao negócio, em 1968, Manuel chama para se juntar a eles seu irmão Amílcar. Juntos, surpreenderam o mercado e superaram às expectativas, abrindo uma série de lojas importantes.

Foi então, que a família partiu para um voo ainda maior

Objetivo: ser pioneira no layout interno e externo de lojas. O vanguardismo foi total. Em 1975, inauguraram a décima primeira loja, um prédio administrativo e depósito na Rua Humberto I, na Vila Mariana, em São Paulo.
O novo logotipo representava os prédios da cidade de São Paulo ao cair da tarde, uma referência clara à ampliação do foco de vendas das Tintas MC, que além das tintas automotivas, vendia também tintas imobiliárias e acessórios. As lojas eram envidraçadas e o layout interno nunca tinha sido visto em lojas de tintas da época. Realmente, uma rede de lojas de grife.
E então, ao contrário do que muitos pensavam, esse layout arrojado, limpo, não espantou os pintores e mais, passou a atrair as exigentes mulheres de São Paulo que, antes da MC, simplesmente não entravam em lojas de tintas. A Tintas MC quebrou o paradigma de que tinta era coisa somente para pintores.
Hoje a Tintas MC faz parte do grupo Aliar, composto pelas empresas Tintas MC, Aquarela Tintas, Distribuidora Premium e Flok Tecido Adesivo. Chegamos a marca de 80 lojas próprias, distribuídas em São Paulo, Minas Gerais e Goiás e com o desafio de chegar a 100 lojas brevemente.

Quem é seu público-alvo e como vocês se diferenciam de outras empresas da área?

Consumidor final: homens e mulheres AB+. Pintores, Arquitetos e Empreiteiros.

Vocês têm Missão, Visão, Valores bem definidos? Se sim, quais são?

Missão: Tornar o Brasil um país mais colorido, sendo a primeira opção para quem pensa em comprar tinta.
Visão: Ser a melhor, a maior, a mais completa e a mais lembrada rede de lojas de tintas e serviços do Brasil.
Valores:

  • Clientes: Respeito e amizade para cumprir sempre o combinado em preço, prazo e qualidade dos serviços.
  • Parceiros: Transparência e gratidão que nos permite ser uma empresa bem informada, atualizada e completa.
  • Colaboradores: Valorização de talentos internos, possibilitando crescimento contínuo e a realização de sonhos.
  • Brasil: Emitimos sempre nota fiscal e pagamos todos os impostos. Nós fazemos a nossa parte para um Brasil melhor.

Quais foram as maiores dificuldades nestes últimos dois anos, com a economia em recessão?

Percebemos que o mercado como um todo teve uma retração, porém optamos em remar contra a maré, aumentando os nossos investimentos na expansão da rede, comprando lojas já existentes, abrindo novos pontos de venda e apostando em abertura de franquias. Nosso resultado foi muito otimista, pois enquanto o mercado caiu 8%, a Tintas MC cresceu 16%.

Quais foram os principais sinais de sucesso que começaram a aparecer, mostrando o acerto da estratégia e modelo de negócio da Tintas MC nestes últimos meses?

Além do crescimento citado acima, investimos muito no projeto de expansão via fusões, aquisições e abertura de franquias. Em 6 meses, saímos de 53 lojas para 80 lojas próprias e seis franquias em operação. Além dos números, temos investido muito em relacionamentos com os principais públicos especificadores: pintores e arquitetos.

O que vocês fazem que é totalmente diferente da maior parte dos concorrentes?

Saímos na frente com o projeto de expansão via franquias, pois hoje não existe nenhum outro modelo semelhante no segmento de revenda de tintas. Além disso, investimos para que nossos clientes tenham uma experiência de compra diferenciada e agradável, por isso temos como meta a excelência no atendimento aos nossos clientes. Para criarmos uma experiência ainda mais diferenciada para nossos clientes, abrimos algumas lojas conceito Select, com ferramentas que facilitam a escolha de cor, com ambientes reais montados e decorados por arquitetos renomados no mercado e que elevam a cor como protagonista da decoração.

Especificamente em relação a Vendas (que é nosso foco na VendaMais), como vocês treinam a equipe comercial para reforçar seus diferenciais e não cair na guerra de preços?

A Tintas MC nunca teve foco em preços baixos e, sim, em ser competitiva e ter o melhor serviço. Frequentemente treinamos nossa equipe para que o nosso nível de atendimento esteja neste patamar.
Temos um grande diferencial: são mais de 80 pontos de vendas. Isso faz com que estejamos sempre próximos de nossos clientes, muitas vezes somos a primeira escolha. Se o atendimento é impecável, dificilmente caímos na guerra de preços. Porém, se precisar cobrir… cobrimos a grande maioria.

O que vocês têm feito de especial para atrair novos clientes e que tem funcionado bem?

Apostamos em oferecer a melhor gama de produtos do mercado com as melhores marcas, temos a melhor equipe de vendas do mercado que está apta a oferecer o produto adequado para cada ocasião e também estamos presentes em 80 pontos de venda, o que facilita e traz comodidade para que o cliente não tenha um grande deslocamento dentro de sua cidade. Além disso, contamos com a plataforma de venda online, em que o cliente compra e recebe seus produtos no conforto de sua casa.

E em termos de fidelização de clientes, algo em especial que façam para que os clientes continuem comprando ou fazendo negócios com vocês?

A Tintas Mc é uma empresa tradicional no mercado e já tem 53 anos de existência. Temos clientes que compram conosco desde o início e vem acompanhando toda a nossa trajetória. Temos muito orgulho de construir relacionamentos duradouros e de confiança com nossos clientes, pois nossos relacionamentos são calcados em ética, transparência e muito respeito.
Além disso, oferecemos itens de primeira linha e serviços que agregam e facilitam na hora da escolha de produtos, como consultoria de cores gratuita e orientação técnica de produtos e cores.

Existe algo que era feito antes e que vocês PARARAM de fazer, por mais dura que fosse a decisão, para atualizarem seu modelo de negócios?

A crise faz você repensar seu negócio e nos trouxe a possibilidade de parar de investir em algumas coisas que não davam retorno. Não temos saudades de nada que ficou pra trás.

Em quais áreas da empresa foram feitos os principais investimentos nesse processo de crescimento da Tintas MC? Não só em termos de dinheiro/investimentos, mas revisão de processos, aumento de eficiência, etc. Ou seja, onde foi colocado mais foco e energia?

A Tintas MC passou alguns anos com velocidade reduzida, neste súltimos 2 anos estamos acelerando, um movimento diferente da maioria do mercado. Não teve uma área que não passou por mudanças, neste exato momento estamos analisando as melhores práticas da Tintas MC e da rede Aquarela que incorporamos, talvez este seja o melhor de uma fusão/incorporação. Aproveitar o que um tem de melhor, mudar e evoluir.

Quais os próximos passos? Ou seja, o que estão planejando para o futuro? Qual o próximo grande objetivo?

Queremos consolidar nosso planejamento de 300 lojas até 2023, acreditamos muito na expansão das franquias. A atenção para este modelo é grande, acreditamos que em breve teremos mais lojas de franquias do que próprias. Vem boas novidades em 2018, o importante é continuar inovando e acelerando.

Que conselhos daria para um empreendedor pensando em iniciar um projeto pessoal mas ainda relutando se começa (arrisca…) ou não?

Quando conversamos com um futuro franqueado, além de uma pesquisa de perfil, deixamos claro que nosso mercado é movido de muito trabalho. Empreender é acordar todos os dias, se automotivar e fazer acontecer. Se uma pessoa não possui estas características, o melhor é não empreender.

Existe algum livro, vídeo, filme, pessoa que mais influenciou sua trajetória pessoal/profissional e que você recomendaria para pessoas que querem resultados melhores?

Acho que nossa trajetória tem grandes inspirações, posso citar alguns como: A arte da guerra, um livro que cada vez que leio, seja inteiro ou um trecho, me deparo com um ensinamento.
Outros dois grandes livros que posso citar falam de negócios: A estratégia do oceano azul, um livro que todo empresário deveria ler e tentar aplicar algo na sua empresa. E Sonho grande, que mostra que devemos sonhar grande e buscar parceiros que nos ajudem a sonhar e a realizar.

Algum comentário final que gostaria de fazer para nossos assinantes e leitores da VendaMais?

Pode parecer repetitivo, mas temos que continuar acreditando no Brasil e em nosso potencial. Infelizmente, estamos lutando contra a corrupção e falta de ética de quem deveria dar exemplo.
Mas, o brasileiro é resiliente! Não desiste! Tem muitos líderes, empresas e pessoas que fazem a diferença… o Brasil precisa de nós!
Fonte: VendaMais

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.