Professor ganha primeiro milhão vendendo DVD de aula de música

HeitorCastroO músico Heitor Castro, 45, é dono de três escolas de música no Rio de Janeiro (RJ) que somam cerca de 500 alunos, mas foi com a venda de aulas gravadas em DVD que ele faturou seu primeiro milhão ano passado.
Desde 2008, ele já vendeu mais de 80 mil DVDs que ensinam a tocar violão, guitarra, piano, bateria e a cantar.
A ideia de usar vídeos para ensinar música surgiu para complementar as aulas presenciais dadas nas escolas Mais que Música.
“Eram lembretes curtos, de onde colocar o dedo no instrumento, por exemplo, para quando o aluno praticasse em casa. Eu colocava o vídeo no YouTube que, naquela época, não permitia vídeos muito grandes”, conta Castro.
A iniciativa fez sucesso entre alunos e não alunos e o professor resolveu gravar DVDs com aulas completas. Os DVDs eram vendidos junto com uma revista na banca de jornal e, por causa do sucesso na terceira edição, ele comprou a editora responsável pela publicação.
“Nos primeiros DVDs, eu só ensinava as batidas. Como tocar rock, bossa nova, bolero”, afirma.
Castro é formado no GIT (Guitar Institute of Technology, escola de música em Los Angeles) e já gravou dois CDs , um deles, com a orquestra de cordas de Londres no Abbey Road, estúdio onde bandas famosas, como Beatles e Pink Floyd, já gravaram.
Nas escolas Mais que Música, ele conta que já teve alunos famosos, como Francisco Cuoco, Claudio Heinrich, Marcelo Bonfá e Marjorie Estiano.
Os atores Daniel de Oliveira, Caroline Abras e Roger Gobeth são alunos atuais da escola.
Curso presencial custa sete vezes mais
O curso presencial na Mais que Música custa cerca de R$ 300, mas Castro afirma que o faturamento da escola é pequeno perto do que ganha com a venda de DVDs.
Hoje, é possível comprar os DVDs na loja virtual Mais que Música por R$ 40 cada. O preço é fixo para qualquer aula e qualquer instrumento. Se o frete passar de R$ 6, ele paga a diferença. Castro diz que vende até para o exterior.
Os vídeos são gravados no estúdio que ele tem em casa e o professor cuida de todo o processo, da arte à edição. O único gasto que tem é com a compra do DVD para gravação, que custa R$ 4 cada.
No YouTube, ele divulga trechos das aulas, o que ajuda a atrair compradores. Na internet, são disponibilizados cerca de 15 minutos do conteúdo do DVD.
O DVD completo possui de três horas e meia a quatro horas de duração. Hoje, o canal dele no YouTube tem mais de 15 milhões de acessos, 23 mil inscritos e 379 vídeos.
Segundo Castro, os DVDs e os vídeos no YouTube também ajudam a atrair alunos para a escola. “Nunca pensei que os DVDs pudessem concorrer com os cursos presenciais porque as escolas têm atuações muito locais. Já o DVD é para todos, vendo para Europa, África e até Japão”, diz.
Fonte: UOL (http://economia.uol.com.br/noticias/redacao/2013/07/08/professor-ganha-primeiro-milhao-vendendo-dvd-de-aula-de-musica.htm)

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.